Ambientes pequenos: como mobiliar e decorar de forma funcional

Decoração para ambientes pequenos tem sido um tema bastante procurado atualmente. Afinal, mobiliar e decorar um ambiente pequeno, aproveitando todos…

Decoração para ambientes pequenos tem sido um tema bastante procurado atualmente.

Afinal, mobiliar e decorar um ambiente pequeno, aproveitando todos os espaços, e deixá-lo confortável e funcional pode parecer um desafio.

É possível decorar ambientes pequenos de uma forma eficiente?

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não é porque um espaço é pequeno que não é possível ou necessário decorar. A decoração, além de trazer mais vida e personalidade ao ambiente, ajuda a deixar o espaço mais funcional. Ou seja, decorar ambientes pequenos não só é possível como pode te ajudar muito a organizar suas coisas de maneira mais inteligente.

A primeira dica para que você tenha sucesso na mobília e decoração de um espaço menor, é não usar objetos em excesso e que atrapalhem a circulação. Se esse objeto ou móvel não for necessário e ainda atrapalhar a passagem, é melhor não utilizar.

Para ambientes pequenos, a frase “menos é mais” se encaixa perfeitamente.

Outra coisa importante é se atentar ao tamanho dos móveis. Antes de comprá-los, meça o espaço, faça simulações e tenha certeza de que cabem no ambiente e não ficam exagerados.

Falando em simulações, sugiro que não economize seu tempo e criatividade nessa hora.

Explore todas as possibilidades para a localização dos móveis e objetos decorativos. Fuja um pouco do “padrão” e veja o que pode te atender melhor.

Móveis planejados

Se seu espaço é pequeno, é válido você optar por móveis planejados, principalmente a cozinha e o guarda-roupa. Quando o assunto é armário, não tem coisa melhor do que poder distribuir as prateleiras e gavetas do jeito que queremos, não é verdade? Isso pode ajudar muito na organização.

Além disso, os planejados são feitos na medida em que você precisa, por isso não ficam muito pequenos e nem muito grandes para o espaço.

Se, devido ao tamanho do quarto, o guarda-roupa precisar ser mais estreito, o planejado vai te ajudar não só com a distribuição das prateleiras e gavetas, mas também com o fato de que pode ser mais alto, indo até o teto. Assim, na parte mais alta você pode guardar coisas que utiliza com menor frequência e liberar espaço embaixo para roupas.

Eletrodomésticos para ambientes pequenos

Procure utilizar uma geladeira menor, de acordo com o espaço que tem. Com isto, além de poupar espaço, ainda economiza energia. Até porque, numa casa ou apartamento pequeno, geralmente mora pouca gente, então não há necessidade de uma geladeira muito grande.

Isso também é válido para os fornos e fogões. Ou seja, no caso da cozinha planejada, prefira mais gavetas ou espaço no armário do que um forno embutido muito grande que pode nem ter utilidade. É claro que isso não se aplica para quem cozinha bastante e precisa ou gosta de um forno maior. Cada pessoa tem suas necessidades específicas e isso precisa ser avaliado e respeitado.

Sala de Jantar

Antes de comprar sua mesa, avalie bem a proporção do seu espaço. Veja qual formato se encaixará melhor (retangular, oval ou redonda). Isso é importante para que o espaço seja bem aproveitado, principalmente em ambientes pequenos.

Depois, tire medidas e veja qual a medida máxima o espaço comporta. Não se esqueça que é necessário um espaço razoável para entrada e saída das cadeiras, de forma que fique confortável para quem se sentar. Outra dica é utilizar cadeiras sem braço, mais estreitas e que não fiquem apertadas à mesa. Lembre-se que de pouco adianta a beleza se ela não vier acompanhada da funcionalidade.

Sala de Estar

Quando falamos em sala de estar, a primeira coisa que vem à cabeça é o sofá, certo? Como são bons os sofás retráteis que nos permitem deitar e relaxar o corpo enquanto assistimos TV.

Só não se esqueça de verificar todas as medidas do sofá para que não seja surpreendido ao recebê-lo. Se ele for retrátil, verifique as medidas dele aberto e fechado, e certifique-se de que, quando ele estiver aberto, ainda sobre um espaço razoável de circulação.

Se o espaço for muito pequeno, talvez valha à pena optar pelo sofá fixo e deixar para assistir TV no quarto quando estiver a fim de relaxar mais. Na Essência Móveis você encontra diversos modelos de sofá, fixos e retráteis.

Banheiro

É claro que também devemos pensar em como otimizar o espaço do banheiro em ambientes pequenos. O tipo de Box, por exemplo, é algo a ser pensado, pois existem diversos tipos e modelos. Opte sempre pelas portas de correr, que poupam bastante espaço, e depois veja se o reto (inteiro) ou o Box em ângulo. Isso vai depender muito das medidas do espaço.

Atualmente, as pias de banheiro tradicionais quase não são utilizadas, pois têm sido substituídas pelas pias esculpidas, de granito, mármore ou porcelanato. Ao fazer a sua, não exagere na medida.

Quarto

No quarto, é ideal começar pela localização da cama, e como eu falei lá em cima, explore todas as possibilidades. Ou seja, imagine sua cama em todas as paredes possíveis e veja em qual delas o espaço será mais aproveitado e ficará mais confortável para os dois (se o quarto for de casal).

Para facilitar, você pode fazer marcações com fita crepe. A dica sobre não exagerar no tamanho, com certeza também é aplicável à cama. Se o quarto é muito pequeno, opte pelo tamanho comum ou, no máximo, uma Queen size. Veja qual tamanho fica legal, sem tirar o espaço de outras coisas.

Em ambientes pequenos, é legal (e necessário) aproveitarmos todos os espaços para “guardar coisas”. Por isso, uma opção muito interessante para quarto pequeno, é utilizar o box baú.

Dentro dele você pode guardar roupa de cama e banho e roupas que não usa sempre.

Sobre o guarda roupa, como já falei, é ótimo se puder fazê-lo planejado. E não se esqueça de escolher portas de correr.

Melhores cores para Ambientes Pequenos

As cores também se tornam uma dúvida muito comum na hora de decorar um ambiente pequeno. É fácil: escolha as cores claras, pois elas são mais leves e ainda trazem sensação de amplitude ao ambiente. Para a maioria das paredes, fique com o branco, off White, bege ou cinza clarinhos.

Em uma parede da sala ou do quarto, por exemplo, você pode partir para um tom pastel, que vai trazer uma graça, mas sem tirar a leveza ou escurecer o local.

Deixe as cores mais fortes para pequenos objetos decorativos, como almofadas, vasos, quadros, cabideiros, etc. Escolha uma paleta que goste e a distribua de forma harmônica por esses objetos. Além de não pesar, você pode renovar essas cores com mais facilidade quando enjoar.

Esse texto foi originalmente desenvolvido por Hariane Diniz, redatora do blog Essência Móveis, onde você pode encontrar diversos conteúdos de decoração e móveis de design.

Compartilhar
Publicado por
DecoracaoWEB

Mais recentes

Tudo que precisa saber para sua reforma

Uma reforma pode representar grandes problemas se não for bem administrada. Muitas pessoas pensam que  realizar uma obra significa dor…

2 dias atrás

Saiba como criar um apartamento decorado inesquecível e vender mais

Ao procurar por diferentes formas de deixar sua casa mais bonita e moderna, entenda que se atentar às tendências é…

3 dias atrás

Como saber que tipo de madeira é um palete antes de fazer seus móveis

Antigamente os paletes serviam apenas como uma ferramenta para facilitar a vida nas fabricas, servindo como suporte de mercadorias, entre…

3 dias atrás

Decorações para casamentos

Embora as pessoas tenham idealizado o tempo para se casar ao longo dos anos, a verdade é que o evento em si…

5 dias atrás

MESAS PROVENÇAIS PARA DECORAÇÃO DE EVENTOS E FESTAS

O berço do estilo de decoração provençal é a França, o modelo surgiu por volta dos séculos XVII E XVIII,…

1 semana atrás

CONHEÇA HYGGE, O LIFESTYLE DO MOMENTO QUE VEM GANHANDO ADEPTOS NO MUNDO TODO

Já ouviu falar em hygge? Este é um conceito dinamarquês, que assim como a nossa palavra “saudade”, não existe uma…

1 semana atrás